Facebook Instagram Twitter Tumblr Youtube

Todos os posts sobre PAPO DE GAROTO
Por Daniel Saraiva em 31 de março de 2014


Nas décadas passadas o self se via como uma  forma de não se perder o talento e aprimorar-lo, mas afinal de contas o que seria Self? No nosso português se chama auto retrato onde os pintores na falta de modelos pintavam retratos próprios na busca de se aperfeiçoar cada vez mais, no século 21 assim como muitas coisa o self ganhou uma nova funcionalidade onde veio com outros atributos a mais que se chama hastag.

Hoje em dia isso virou febre e o que antes parecia brincadeira de criança no Instagram, diga-se em palavras traduzidas, começou como brincadeira de blogueiros virou algo mais real e mais frequente nos nossos dias é o que os especialistas chamam de “Síndrome de aparecer e, com isso, pertencer” mas pertencer ao que? á um simples hastag, a um estilo de vida, a um grupo seleto… Mas o que presenciamos é que no fim do século do 20 houve a quebra entre o privado e o público onde as pessoas tendem a dar satisfações aonde estão e com quem estão para pessoas que nunca viram e que até ache errado dar satisfação aos pais.
No mais claro, o fato é que perdemos a noção do deveria ser intimo e do que merece realmente ser exposto- não é a toa que sempre vemos escândalos de imagens de sexo crescendo cada vez mais sempre com mesmo argumentos ” a imagem vazou” mas como vazou algo que a pessoa ao fazer tal ato sabia da exposição que poderia ocorrer e do risco. Dos anos 90 para trás as pessoas possuíam cadernos que auto denominavam diários onde era colocado todas as suas frustrações e coisas intimas, hoje tudo é publicado na internet e com a velocidade muito grande, e o que antes era intimo acaba se tornando publico.
Mas e sempre bom lembrar que por mais comum que tenha se tornado isso tende a distorcer a realidade, primeiro por que passa a sensação de que a pessoa tem um poder – e mostra isso usando um produto de marca X ou Y,  seja também ao lado de alguém “famoso” ou mesmo em algum lugar que passe a ideia de status, mas que muitas vezes a vida daquela pessoa não cercada de tudo isso porém não conseguimos enxergar, e quando o individuo postar a foto em busca de um like perdido ela que acaba se perdendo na ilusão de um mundo que ela cria. O gesto continuo de virar a câmera para si próprio e fazer um carão só ai que percebemos que as pessoas perdem tanto tempo em pixels para se mostrar que muitas vezes esquecem de ser. E ai que entra a lei de Narciso: quem muito olha para si mesmo sempre acaba se afogando.

Abraços!
 
Por Daniel Saraiva em 6 de janeiro de 2014

Por volta das 5:00 da manhã é que realmente o dia começa, uns se levantam nesse horário porém outros resolvem começar o dia algumas horas depois, e nesse momento começamos as tarefas diárias seja ir aos estudos ou trabalho, o fato é que cada ser humano tem algo para fazer no dia-a-dia, mesmo que ele simplesmente durma está fazendo algo. Passamos o dia fora resolvendo isso e aquilo outro e quando chega a noite aquela vontade de descansar ou até mesmo de ter um lazer próprio com seu vinculo de pessoas. E ao cair da noite antes mesmo de pegar no sono uma onda de pensamentos toma conta de nós mesmos e no final de tudo pensamos a mesma coisa, eu sou feliz? quando serei feliz? o que é felicidade? Eu quero ser sempre feliz…
Mesmo que seja uma vez na vida nos pegamos pensando nisso, mas afinal o que é felicidade? e como fazemos para encontra-la? Bom, os cientistas tem sua teoria de que ” Para a verdadeira felicidade, não basta ter sucesso…Os amigos devem fracassar”. Acho que cada um tem sua maneira de pensar, a filosofia que pregamos “Cada ser humano é único ” também se aplica a opiniões existem sim pessoas que pensam iguais e compartilham dos mesmo ideais porém nem tudo eles concordam com o outro sempre vai existir uma opinião que lhe diferencie dos demais, e será nisso que você irá perceber o quanto você único.
Chegamos  ao ponto “X” da questão como cada ser humano tem sua filosofia e ideia, na certa sua forma de felicidade é totalmente diferente dos demais. Uns acham que felicidade é dinheiro, namoro, vida estável  familia, comida, sonhos realizados… Sempre existem aquelas pessoas pessimista que apanham muito da vida que alega nunca ter encontrado a felicidade e que cansou de procurar, existem também aqueles que apanham da vida e ficam se fazendo de coitados dizendo que a vida foi dura e que merece uma recompensa, ou até mesmo aqueles que se dizem felizes e realizados por ter tudo que pediram. Mas já  imaginaram como seria sua vida se você fosse inteiramente feliz? Onde você passaria sua vida inteira feliz? Acho que não seria tão boa quanto imaginamos pois o melhor da vida é quando você batalha para conquistar algo, para mim a felicidade vem numa porta aberta depois de muitas fechadas, é realmente algo que você não sabe descrever, batalhar por aquilo que queremos é algo que vai nos compensar muito e nos fazer enxergar a vida de um outro lado que costumamos ver, nada na vida vem fácil e o que vem acaba saindo rápido da mesma forma que entrou.

“Faça de cada dia o melhor momento, e de cada momento a melhor oportunidade.”

 

Autor desconhecido
Abraços!
E a cada ano muitos acreditam que sejam uma nova história, eu já prefiro dizer que é na verdade a continuação de uma história porém com um novo capítulo. Parece até meio clichê mas existem pessoas que não passaram nem de 10 capítulos pois suas histórias já tiveram um final, porém se temos a oportunidade de fazer um novo capítulo devemos fazer diferente do anterior para que cada um se torne único e ao chegar mais lá na frente vermos que tudo valeu a pena.
Existem coisas que vão e não voltam mais, assim como há coisas que chegam de volta porém aperfeiçoadas. Mas o que muitas vezes esquecemos é que quem escreve nosso livro é Deus nos apenas contamos para ele  nossa história e escolhemos com que caneta ele escreve que infelizmente só são duas a preta e branca. Por isso quando passamos por um momento difícil nos pensamos que tudo acabou sendo culpa de Deus porém não nos damos conta que foi nos mesmos que escolhemos mudar a cor da caneta, ele as vezes nos dá o palpite de não mudarmos de cor através de opiniões de terceiros, porém muitas vezes insistimos nessa ideia de mudar a cor e escolher outro caminho e como consequência a mudança de cor acaba sendo levada até o restante do capítulo.
Erros e acertos, momentos bons e ruins são coisas que infelizmente temos que passar e isso se torna inevitável, porém o que devemos saber é que podemos decidir quanto tempo iremos passar nessas situações.
Porém eu escolhi que a partir desse novo capítulo da minha história Deus escrevesse da forma como ele achasse melhor e eu decidi apenas ler a viver a minha vida de acordo como ele quer, sei que a caneta pode ser mudada a qualquer momento, afinal de contas isso é inevitável, porém Ele vai decidir se essa caneta irá mudar de cor em apenas um parágrafo ou em uma frase ou quem sabe somente em uma palavra.
E você? Por quem será escrito o seu capítulo nesse novo ano?
Feliz 2014!
Abraços!

 

Lembro-me  de cada palavra que desejei na entrada 2013 aqui no blog (Confira Aqui), e para mim foi muito emocionante compartilhar pela primeira vez aqui com vocês. Essa está sendo a segunda retrospectiva que o blog está fazendo e confesso que passo o ano todo pensando em como vou fazê-la no final do ano, pois além de compartilhar com vocês minhas realizações e conquistas eu posso ver o que adquiri e o que posso desejar para o próximo ano.
Apesar dessa mudança ter acontecido há poucos meses, decidi coloca-la em primeiro na retrospectiva, pois foi algo que às vezes nem eu acredito que tive toda essa coragem. Com essa mudança de visual pude conhecer outros lados meus e na hora de trabalhar e pude encontrar melhores ângulos também. Quero poder continuar com esse visual e somente aprimora-lo, pois me identifiquei bastante com ele.
2013-0
Não sou do tipo de modelo que seleciona os melhores trabalhos para mostrar. Para mim, todos os meus trabalhos, dos grandes aos pequenos, são os melhores, pois foi com eles que fui crescendo como modelo. Cada um deles foi essencial para que eu chegasse onde queria e será com eles que conseguirei ir ainda mais longe, por isso seria injusto selecionar apenas alguns como melhores, porém separei os maiores trabalhos que fiz esse ano, alguns até ainda irei postar por aqui.
As duas campanhas do Dia dos Namorados que fiz para Zaiguest e para Impact Production me fizeram ganhar experiência no aspecto de se trabalhar em dupla. Vi que não era fácil porém é muito prazeroso. O catalogo que fiz para a Up me fez ver como é bom poder trabalhar com pessoas que andam lado a lado com você e me fez aprimorar meu lado comercial ainda mais.
A campanha que fiz para uma marca de moda praia para um evento de Manaus foi o que me levou a acreditar o quanto longe eu poderia chegar. A matéria que participei para um dos maiores jornais impressos da minha cidade abriu meu olhar com relação ao meu potencial e percebi que quando você se enxerga de forma positiva, isso pode refletir nas pessoas à sua volta.
O editorial que participei foi para uma grande revista de moda do Uruguai. Isso mesmo, tive o prazer de fazer meu primeiro trabalho internacional, que em breve vocês ficarão por dentro de tudo, pois postarei tudinho aqui no blog. Para mim foi como ver um sonho realizado.
2013-1
 Este ano tive o prazer de poder trabalhar com uma grande variedade de fotógrafos e conhecer de cada um seu estilo de fotografia. Pude com isso adquirir cada vez mais experiência e por que não dizer que também fiz grandes amizades, as quais tenho certeza de que irei levar mais à frente. Poder aproveitar cada oportunidade com eles me fez ver o quanto eu posso crescer e fazer de cada trabalho uma escada. Também fui selecionado para trabalhar com fotógrafos com os quais já tinha feito alguns trabalhos.Vale ressaltar que existem muitos trabalhos pendentes que ainda irei postar aqui no blog.
2013-3 2013-4 2013-5 2013-6
Quando crescemos profissionalmente podemos desfrutar de novas áreas e este ano pude participar de dois Shoowrooms que até então nunca havia participado, mas que acabaram sendo tão prazerosos quanto os demais trabalhos. Aprendi muito mais de moda e de como podemos ser modelos versáteis, sendo selecionados para fazer além de trabalhos fotográficos.
Este ano o mundo da moda me mostrou que não importa se você é o mais baixinho dos modelos, quando você corre atrás daquilo que tanto almeja as portas se abrem para você. Desfilei para algumas marcas locais e para uma delas cheguei a abrir um desfile e para a outra fiz duas entradas no mesmo desfile. Ah, foi através desses trabalhos que descobri que desfilar é o meu trabalho favorito.
2013-7 2013-13
Através do blog vocês ficaram por dentro de tudo que rola nos bastidores do mundo da moda, como backstages, castings, Making Of e provas de roupas. Acredito que não somente eu aprendi, como também vocês puderam aprender ao acompanhar cada detalhe que mostrei por aqui.
2013-8 2013-9
Com a agenda um pouco lotada de trabalho infelizmente os eventos de moda foram diminuindo, mas o principal não pude deixar de mostrar que foi o DFB. Uma tag que voltou com tudo esse ano foi a de coquetel, pois com a quantidade de trabalhos aumentou também o número de convites para comparecer aos eventos. Admito que fui a poucos eventos, porém fiz uma super cobertura de cada um.
2013-10
E o ano não seria de mudanças se o blog não passasse por transformações. Acredito que em cada evolução sua, outras coisas também devem acompanhar para não ficar para trás. Como esse blog pra mim não é um hobby e sim uma paixão, eu tinha que mudar para melhor acolher meus leitores. Alguns nem notaram, mas a marca do blog passou por três mudanças, confiram:

2013-12

E essa retrospectiva não seria retrospectiva se eu não pudesse ter o prazer de agradecer a todas essas pessoas maravilhosas que Deus colocou na minha vida e que não somente fizeram participação por aqui, eles realmente fizeram parte do blog. Não sei o que seria de mim se não fossem eles, pois posso dizer que não andei sozinho, tive a ajuda de cada um. Posso dizer que vocês com certeza fazem parte da equipe do blog e hoje e sempre serei grato a vocês que me ensinaram, ajudaram, opinaram, alegraram e, principalmente, foram meus amigos.
2013-11
A prova de que esse ano foi bem melhor do que o anterior está aqui, pois vemos que quase não acabo essa retrospectiva, hahaha! Tentei mostrar o máximo possível de como foi esse ano para minha vida e para o blog de uma forma resumida. Este ano tive tristezas? Tive sim, muitas delas! Desmotivação fez também parte de 2013, porém não podemos nos deixar abalar com isso, se a vida é fácil para alguns ela não necessariamente será para você. A vida ensina a cada um de uma maneira e se ela tá sendo difícil para você, significa que haverá uma grande recompensa no final. Quando chegar a hora valerá a pena todo o esforço.
E que 2014 venha cheio de bençãos não somente para a minha vida, mas para todos vocês. Quero poder nesse ano que vai chegar me estabilizar mais na profissão, viver experiências e aprender coisas novas, e por que não ter minha primeira viagem a trabalho? Sim, isso está nos meus planos. Quero poder alcançar cada vez mais meus objetivos e sonhos e ficar cada vez mais próximo de Deus. E que o blog possa crescer muito, assim como ele cresceu este ano, e que possamos ampliar cada vez mais o conhecimento e as experiências e desfrutar de coisas novas por aqui.
Obrigado a cada leitor por visitar este espaço e acompanhar tudo de perto!
Abraços!
Feliz 2014!